Para que serve a ilusão?

image

O que eu sinto por você vai além de saudades. Saudades eu sempre sinto. Minha vida é sempre saudade. Mas de você eu sinto arrepios só de lembrar do que suas palavras me fizeram sentir, o que minha mente imaginou e como inquieto meu coração ficava toda vez que você aparecia em uma simples notificaçāo. Porque o que tivemos não pode ser chamado de sentimento quando sequer nos tocamos. Ou pode?

Como explicar uma sensação que eu tive com alguém que nunca me tocou, mas que me tocou mais do que qualquer outro em minha vida? Como se o pouco tempo que estivemos emocionalmente juntos, mas fisicamente distantes fosse maior que qualquer contato que já tive? Como explicar que eu senti por alguém que está tão longe, o que ninguém me fez sentir estando ao meu lado?

O sentimento foi tão instantâneo,  que eu cheguei a pensar que você sairia da minha mente com a mesma intensidade. Mas não. Ele chegou, ficou e você se foi. E ter a certeza que eu nunca o verei, mas que posso te sentir na minha mente como eu quiser já me dá uma sensação de alivio, por saber que de alguma forma você sempre estará perto de mim. Eu posso lembrar e posso inventar, e me perder no que foi verdade, ou no que foi ilusão. E não é pra isso que serve a ilusão?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s